Depoimento de Maria Beatriz Correa De Mello Altschuller (30.03.2017)

Muito legal e verdadeiro esse vídeo. Tenho 45 anos. Fiz 16 anos na época em que aprovaram o voto aos 16 (era contra isso na época -- não votei, porque não me achava preparada politicamente, não me achava madura ou com embasamento teórico suficiente, para dar essa "opinião"-- e sou contra isso hoje). E a doutrinação vem desde aquela época!!!

Estudei em escola pública. Meus professores eram, majoritariamente, esquerdistas. Cansei de ser "feita de gado" e levada para "aulas midiáticas na praça" e passeatas, das quais mal sabia o motivo. 

Na época, se um aluno não queria votar no Lula, já era execrado e tachado de reacionário (já tinha esse policiamento opressor). Vivi uma realidade beeem parecida com esse relato. Meus colegas, dessa escola, hoje, são, na maioria, zumbis de esquerda. 

Acho que só fui exceção porque tinha um pai mais velho que a maioria, que viu a história de perto, que gostava de ler história e até os meus livros, e me passava essa outra visão dos fatos, o que me ajudou a pensar. Mesmo assim, só beeem mais velha fui enxergar essa doutrinação sofrida!!!

Por isso afirmo: A PRINCIPAL frente de batalha no Brasil deve ser combater essa hegemonia acadêmica no 1° e 2° grau e universidades!!! Não há debates! Os professores só mostram a "sua" verdade sobre os fatos, para um aluno que ainda não tem como enxergar que só está vendo um lado! Ou seja, não crescem aprendendo a analisar várias faces de um fato e debater. Criam uma geração de zumbis!!! Aí ficam como esses meus colegas. Eles não enxergam que foram doutrinados e só conseguem enxergar a visão da esquerda! É uma lavagem cerebral sem volta! São fechados para sequer debater, ouvir, outras opiniões...

O trabalho de vocês é muuuito importante, para o futuro das mentes desse país. Tem que rever as indicações de livros do MEC (isso é urgente!!!). Tenho acesso de raiva quando leio os livros da minha filha! Sem livros plurais, fica muito difícil o aluno ver que a opinião do professor não é a única! Até para um professor que não seja de esquerda, é difícil trabalhar com esse material doutrinador, ou, talvez, ser despertado ao também ter acesso a várias opiniões.

Parabéns pelo trabalho de vocês!

 


Tomatadas

O Blog do Diniz


De olho no livro didático

Blog do Prof. Orley


Não deixe que seu professor faça isso com você.


Denuncie!


Enfim, o tema musical da educação brasileira



Biblioteca Politicamente Incorreta

O-Guia-politicamente-incorreto-da-história-da-América-Latina


 

Popular

Novidades

Contato