Depoimentos

Divulgaremos neste espaço depoimentos de estudantes que tiveram ou ainda têm de aturar a militância político-partidária ou ideológica de seus professores.

Esperamos, com isso, alcançar um duplo resultado. O primeiro é ajudar outros estudantes a identificar as estratégias de doutrinação e propaganda utilizadas por seus professores e, naturalmente, se precaver contra elas. O segundo é mostrar aos professores que porventura se reconheçam em tais depoimentos o grande erro que vêm cometendo ao tentar fazer de seus alunos futuros "agentes de transformação social", a serviço desse ou daquele partido ou ideologia.


Mensagem enviada por Isaías Rosa da Silva, em 04.11.2015

 

EDUCAÇÃO BANCÁRIA E EMPODERAMENTO: A QUEM INTERESSA? 

Na universidade ouvi, ad nausean, algumas expressões e máximas nunca ouvidas fora daquele ambiente. Eis algumas delas: “educar é um ato político”; “educação bancária”; “desconstrução”; “contra-hegemonia”; “empoderar”. Coloquei-as nessa ordem propositalmente. Acredito que fazem parte de um processo meticulosamente articulado, mas me deterei em apenas duas.

Leia mais...

Mensagem enviada por uma pedagoga, em 10.09.2015

Estudei na Engenharia do CEFET - Curitiba  em 1977, curso excelente!, tempo do regime militar. Estava  no 3º ano e precisei trancar  a  matrícula, tempos difíceis, meu marido conseguiu emprego noutra cidade.

Em 1984 iniciei  o curso de Pedagogia na UEM. Hoje percebo com clareza o assédio moral, ideológico, bullying... e tudo o mais passível de um processo pelo que sofri. A  ideologia marxista imperava de forma declarada. Certa ocasião um professor de sociologia me falou: - "você está impregnada destas doutrinas positivistas".

Leia mais...

Mensagem enviada por Márcio Coelho, em 05.01.2015

Durante décadas a educação no Brasil tem absorvido sentidos múltiplos e negativos. Múltiplos na introdução de conceitos ineficientes, e negativos por seus resultados. Não há a eficiência teoricamente e oficialmente programada de um estudo que procure somente a grade curricular, mas a unificação de silenciadores das reais formas de atitudes, de crenças, do direito familiar e moral que não são respeitados. Há o ataque ao caráter individual e ao pensamento. Por isso, a evidência destes resultados procede da compreensão de todo processo do que ocorre. 

Leia mais...

 


Tomatadas

O Blog do Diniz


De olho no livro didático

Blog do Prof. Orley


Não deixe que seu professor faça isso com você.


Denuncie!


Enfim, o tema musical da educação brasileira



Biblioteca Politicamente Incorreta

O-Guia-politicamente-incorreto-da-história-da-América-Latina


 

Popular

Novidades

Contato