Depoimentos

Divulgaremos neste espaço depoimentos de estudantes que tiveram ou ainda têm de aturar a militância político-partidária ou ideológica de seus professores.

Esperamos, com isso, alcançar um duplo resultado. O primeiro é ajudar outros estudantes a identificar as estratégias de doutrinação e propaganda utilizadas por seus professores e, naturalmente, se precaver contra elas. O segundo é mostrar aos professores que porventura se reconheçam em tais depoimentos o grande erro que vêm cometendo ao tentar fazer de seus alunos futuros "agentes de transformação social", a serviço desse ou daquele partido ou ideologia.


Mensagem enviada por Evandro Negrão de Lima, em 17.08.2009

Tive um professor de História no ensino fundamental que vivia falando mal do capitalismo. Era petista e tinha um fusca velho cheio de adesivos do PT. Nas férias, viajamos para Cancun, hotel 5 estrelas, eu, minha irmã e nossos pais. Quem encontramos no café da manhã? Exatamente esse nosso professor! Conversamos, jantamos, ele ficou sem graça no começo, mas depois relaxou. De lá, meu pai e eu fomos a Chicago para uma feira de aviação; e minha irmã e minha mãe foram para Miami fazer compras, o modelo do sistema capitalista -- brasileiros fazendo compra em Miami. Quem elas encontram dentro da loja de eletrônicos? Nosso professor "petista"!!! O engraçado da história é ver como esses críticos do regime capitalista sabem aproveitar muito bem as suas vantagens...

Comentário do ESP - E mais: não percebem que é graças à eficiência do "maldito capitalismo" que um número cada vez maior de pessoas tem acesso a bens materiais -- como viagens a Cancun, por exemplo -- que há bem pouco tempo eram privilégio dos ricos.

Como diz o Reinaldo Azevedo, não teremos uma legião de marxistas delirantes no futuro: "teremos só uma geração de tontos." 

 

Mensagem enviada por aluna do curso de Pedagogia da UFF, em 28.08.2008

Minhas bibliografias são todas orientadas para autores marxistas ateus ou homossexuais. Todos! Em filosofia passam por Santo agostinho e Tomás de Aquino como se nada fossem. Bem rapidamente! Eles, na maioria, ou seja, não é só um professor, desqualificam qualquer ponto de vista que não seja o DELES. Perguntam direto coisas como: quem aqui se confessa? Só por motivos de deboche! Pressionam os alunos dizendo que quem realmente pensa descobrirá que Deus não existe. Ridicularizam os jesuítas e sua contribuição à educação. Enfim, todos os dias vou para a faculdade rezando. Comungo, rezo durante as aulas. Todos os dias é um bombardeio. Peço a Deus que me livre do pecado da omissão. Desejo estudar, terminar a faculdade e começar a trabalhar nas faculdades federais, pois é um terreno ateu e muitas vezes diabólico pois DIVIDE como o próprio nome já diz.

"Não aguento mais!"

Mensagem enviada por uma leitora ao blog do Reinaldo Azevedo, em 21.10.2008.

*  *  *

Olá,

Minha mãe é sua fã! Diz que abre o seu blog para rir dos petralhas! Acabou me recomendando a leitura e eis-me aqui. Não sabia como postar em outro lugar, pois o meu comentário não está diretamente ligado ao que foi escrito acima.

Escrevo porque sou aluna de faculdade federal e NÃO AGUENTO MAIS estudar só marxismos e petralhismos o tempo inteiro. Sinto-me desrespeitada em inúmeros momentos. Quero buscar, estudar e fazer trabalhos científicos com outras correntes de pensadores (pedagogos, filósofos e etc.) que não sejam ateus, suicidas ou infelizes em vida que após a morte são tidos como exemplos de como viver a "vida". Para estes petralhas universitários parece que ninguém mais existe. Meu Deus, estou cansadíssima de ir para a faculdade e ver que os educadores estão sendo formados por um LIXO foucaultiano marxista freiriano! Um amor pelo LULA! Eles são DEUSES lá! Intocáveis e adorados. Ai de mim se disser que Paulo Freire parecia até bem intencionado, mas que esvaziou demais a educação ao só ver o social, social, social! Sem dúvidas, os professores criticam a religião, principalmente e o tempo todo, a católica, mas ELES TÊM UMA RELIGIÃO CUJO FUNDADOR É MARX! Você já deve ter escutado sobre isto várias vezes, mas eu, sinceramente, estou desabafando.

Leia mais...

 


Tomatadas

O Blog do Diniz


De olho no livro didático

Blog do Prof. Orley


Não deixe que seu professor faça isso com você.


Denuncie!


Enfim, o tema musical da educação brasileira



Biblioteca Politicamente Incorreta

O-Guia-politicamente-incorreto-da-história-da-América-Latina


 

Popular

Novidades

Contato